Mudança do horário de verão

2014/2015

O horário de verão começa às 0h do dia 19 (domingo) nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Com isso, no início da madrugada de sábado (18) para domingo, os relógios devem ser adiantados em uma hora. A mudança vai até o dia 22 de fevereiro de 2015.
Durante a primavera e o verão, em grande parte do Brasil, os dias são mais longos do que as noites, ou seja, o sol surge mais cedo (alvorecer) e põe-se mais tarde (entardecer). Para aproveitar melhor a luz natural, foi instituído o adiantamento do relógio em uma hora em relação do horário legal.
A redução do consumo de luz artificial, ou seja, da energia elétrica, principalmente, para iluminação, e aumento das horas de lazer, visto que escure mais tarde. O melhor aproveitamento da luz do sol traz benefício geral à população, seja para o lazer ou para atividades comerciais, a indústria, o turismo e, também, ganhamos com os benefícios ecológicos e a preservação do meio ambiente.
O Horário de Verão no Brasil é aplicado por decreto nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, portanto, nos seguintes estados: DF (Distrito Federal), ES (Espírito Santo), GO (Goiás), MG (Minas Gerais), MT (Mato Grosso), MS (Mato Grosso do Sul), PR (Paraná), RJ (Rio de Janeiro), RS (Rio Grande do Sul), SC (Santa Catarina) e SP (São Paulo).
Desde 2008, foi fixada a data de ínicio e término do Horário de Verão no Brasil, que deve começar à zero hora do terceiro domingo de outubro e terminar à zero hora do terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte (se coincidir com o domingo de carnaval, o horário é prorrogado por mais uma semana).
Curiosidades:
- Horário de verão, em inglês, é chamado “Daylight Saving Time”;
- Que apesar do incômodo mais de 70% da população aprova a medida;
- Uma pesquisa constatou que as horas a mais de luz no final do dia permitiu o aumento do convívio familiar entre pais e filhos menores;
- O tempo para adaptar-se ao Horário de Verão é de oito dias;
- O primeiro Horário de Verão no Brasil foi em 1931;
- Desde 1985, o Presidente instituía, anualmente, por decreto, o período do Horário de Verão. Isso acabou em 2008 com o Decreto Presidencial 6.558 de 08/09/2008.
Para quem tem dificuldades para se adaptar à mudança no relógio, dormir mais cedo no sábado, praticar atividades físicas e evitar o consumo de alimentos com cafeína são algumas dicas que podem ajudar e muito a se acostumar com o novo horário.
De acordo com o Operador Nacional do Sistema (ONS), a adoção do horário de verão representa uma economia de cerca de R$ 500 milhões nos últimos anos.

Fontes: http://g1.globo.com/
e http://www.nippobrasilia.com.br/




Nova Enfoque
© 2017 - Todos os direitos reservados | Nova Enfoque
VISION