VAR, VEIO PRA FICAR?

 

O futebol lá nos primórdios já era polêmico. Agora chega a era do VAR que prometendo acabar com todas as polêmicas. Mas o que estamos vendo por enquanto é mais polêmica e mais reclamações. Está certo que esta só começando esta fase por aqui mas a pergunta que fica é por que tanta demora para o VAR observar a jogada, dialogar com o árbitro e tomar a decisão final? Seria capricho, incompetência, obediência ou subserviência?
  É revoltante ficar aguardando em média quase cinco minutos para darem o veredito final em qualquer lance, seja de fácil interpretação ou não. O que se percebe é que esta havendo muita discussão e divergências entre os “verificadores” lá na cabine e os que estão no campo. O pior disto tudo é ver a omissão do juiz da partida, o único realmente com poder de decidir.
Será que não seria mais viável e rápido o árbitro da partida ir até o monitor de campo, rever o lance que ele já viu de perto dentro do campo, sem nenhuma interferência externa daqueles que não viram o que somente o árbitro viu, e decidir? Parece que as orientações e instruções dadas por aqui estão confusas demais. Ou tudo esta sendo decidido de acordo com o momento e o time em questão. Mas a situação vai melhorar, aliás, tem que melhorar né, não foi pra isto que foi criado o VAR?
EM TEMPO: E o Verdão finalmente foi reconhecido com o primeiro campeão Mundial. Viva viva ,mas peraí, quem reconheceu isto foi o ex-presidente da Fifa, Joseph Blatter. Em entrevista ao portal Uol, Blatter enfatizou que o título de 1951 deve ser tratado como mundial. “Devemos reconhecer que o Palmeiras foi o primeiro campeão mundial de clubes e ponto final. Foi o primeiro”, afirmou. Punido, ele está suspenso de qualquer atividade no futebol até 2021, então na realidade torna-se sem efeito o grande reconhecimento. Então, o Verdão continua sem Mundial no mínimo até 2021 com o fim da punição do Blatter. Depois desta data precisa ver o que o Sr. Blatter vai fazer relacionado ao futebol. Voltar à presidência da FIFA seria impossível depois dos acontecimentos revelados contra ele. Então é melhor o Palmeiras ganhar um Mundial que vale no campo mesmo, e parar de querer ser campeão Mundial lá no longínquo 1951. A chacota só acabará quando tirarem a ridícula estrela vermelha do uniforme e assumir que 51 foi uma grande conquista apenas. Time, estrutura e dinheiro pra isto tem. Então boraa jogar e ganhar com méritos, uma hora o Mundial vem...
PRA MEDITAR: “Chorar funciona”, quem garante é Nosso Consolador Espírito Santo... mas antes, devemos contar pra Deus nossos problemas... Ele vai nos entender, Ele vai nos abençoar..!!” // “ Chega um momento em que o Espírito Santo de Deus brada em nosso coração dizendo... falta pouco, falta pouco, aguenta firme... Jesus, o referencial da vida..!!”  Abraços 
ENIVALDO EIRAS! 

O futebol lá nos primórdios já era polêmico. Agora chega a era do VAR que prometendo acabar com todas as polêmicas. Mas o que estamos vendo por enquanto é mais polêmica e mais reclamações. Está certo que esta só começando esta fase por aqui mas a pergunta que fica é por que tanta demora para o VAR observar a jogada, dialogar com o árbitro e tomar a decisão final? Seria capricho, incompetência, obediência ou subserviência?  É revoltante ficar aguardando em média quase cinco minutos para darem o veredito final em qualquer lance, seja de fácil interpretação ou não. O que se percebe é que esta havendo muita discussão e divergências entre os “verificadores” lá na cabine e os que estão no campo. O pior disto tudo é ver a omissão do juiz da partida, o único realmente com poder de decidir.Será que não seria mais viável e rápido o árbitro da partida ir até o monitor de campo, rever o lance que ele já viu de perto dentro do campo, sem nenhuma interferência externa daqueles que não viram o que somente o árbitro viu, e decidir? Parece que as orientações e instruções dadas por aqui estão confusas demais. Ou tudo esta sendo decidido de acordo com o momento e o time em questão. Mas a situação vai melhorar, aliás, tem que melhorar né, não foi pra isto que foi criado o VAR?EM TEMPO: E o Verdão finalmente foi reconhecido com o primeiro campeão Mundial. Viva viva ,mas peraí, quem reconheceu isto foi o ex-presidente da Fifa, Joseph Blatter. Em entrevista ao portal Uol, Blatter enfatizou que o título de 1951 deve ser tratado como mundial. “Devemos reconhecer que o Palmeiras foi o primeiro campeão mundial de clubes e ponto final. Foi o primeiro”, afirmou. Punido, ele está suspenso de qualquer atividade no futebol até 2021, então na realidade torna-se sem efeito o grande reconhecimento. Então, o Verdão continua sem Mundial no mínimo até 2021 com o fim da punição do Blatter. Depois desta data precisa ver o que o Sr. Blatter vai fazer relacionado ao futebol. Voltar à presidência da FIFA seria impossível depois dos acontecimentos revelados contra ele. Então é melhor o Palmeiras ganhar um Mundial que vale no campo mesmo, e parar de querer ser campeão Mundial lá no longínquo 1951. A chacota só acabará quando tirarem a ridícula estrela vermelha do uniforme e assumir que 51 foi uma grande conquista apenas. Time, estrutura e dinheiro pra isto tem. Então boraa jogar e ganhar com méritos, uma hora o Mundial vem...PRA MEDITAR: “Chorar funciona”, quem garante é Nosso Consolador Espírito Santo... mas antes, devemos contar pra Deus nossos problemas... Ele vai nos entender, Ele vai nos abençoar..!!” // “ Chega um momento em que o Espírito Santo de Deus brada em nosso coração dizendo... falta pouco, falta pouco, aguenta firme... Jesus, o referencial da vida..!!”  Abraços ENIVALDO EIRAS! 

 




Nova Enfoque
© 2019 - Todos os direitos reservados | Nova Enfoque
VISION